Política

Senado: internautas votam por liberação da maconha em consulta pública

© Reuters
O site do Senado colocou no ar, em 2014, consulta pública sobre a regulação do uso recreativo, medicinal e industrial da maconha. Desde então, já são mais de 11.600 pessoas que votaram a favor e apenas 670 contra.

A curiosidade fica por conta do número de acessos registrados nas últimas 24 horas, mais de 6.900.

De acordo com informações de O Globo, o regimento interno do Senado diz que qualquer cidadão pode propor um projeto, que ganha o nome de “Ideia Legislativa”.

Em quatro meses, caso a ideia receba mais de 20 mil apoios, ela se torna uma “Sugestão Legislativa” e é encaminhada à Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH). Tal transição, para a sugestão sobre a regulação da maconha, aconteceu em 2014.

A proposta é de autoria do cidadão André Kiepper. “O mercado não regulado de maconha gera violência, crimes e corrupção. O usuário é penalizado e milhares de jovens estão presos por tráfico. A maconha deve ser regularizada como as bebidas alcoólicas e cigarros. A lei deve permitir o cultivo caseiro, o registro de clubes de auto-cultivadores, licenciamento de estabelecimentos de cultivo e de venda de maconha no atacado e no varejo e regularizar o uso medicinal”, argumenta.

Comentar

Clique aqui para postar um comentário

Redes Sociais

/ Free WordPress Plugins and WordPress Themes by Silicon Themes. Join us right now!